Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘trens’

Expresso Turistico CPTM
Locomotiva fabricada no Canadá em 1950

E por falar em trens, foi inaugurado em 25/04 pela CPTM, o Expresso Turístico, novo serviço ferroviário que integrará lugares turísticos localizados em diversos pontos da malha férrea de São Paulo. Um trem da metade do século passado vai levar os passageiros a cidades do interior. O programa começará com roteiros para Jundiaí. Todos os sábados, o Expresso partirá da Estação da Luz, no centro, e percorrerá, em uma hora e meia, os 60 quilômetros que separam a cidade da capital. No trajeto, três guias turísticos contam curiosidades de algumas paradas e construções que podem ser avistadas pelo caminho, além da arquitetura de forte influência inglesa nas construções originais ainda existentes, como as estações da Luz, Jaraguá, Perus, Jundiaí, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra e Paranapiacaba.

A viagem custa R$ 28,00 com partida às 8h30 da Estação da Luz, é verificar com antecedência os assentos disponíveis pelo hot site da CPTM, parece que o passeio já é um sucesso, atualmente a espera já chega a 3 semanas, um bom sinal de que as opções de turismo aqui em São Paulo estão ficando cada vez melhores. Até mais!

Anúncios

Read Full Post »

Museu do funicular Paranapiacaba
Museu do funicular Paranapiacaba

 

Galera o distrito de Paranapiacaba é um museu a céu aberto. Pertinho de SP, faz parte do município de Santo André, e é um ótimo programa para fazer em um fim de semana qualquer. Eu fui de trem para já entrar no espírito, na estação da Luz, basta pegar a linha lilás, sentido Rio Grande da Serra, são 13 estações, leva cerca de 50 minutos. Desça na última estação, lá saem ônibus direto para Paranapiacaba, mais uns 15 minutinhos, tranquilo.

Trens de Paranapiacaba
Trens de Paranapiacaba

Chegando você já sente um clima diferente, é realmente como voltar no tempo, tem muita coisa pra visitar e uma boa infra-estrutura para os turistas, com quiosques de informação e pontos de alimentação. A cidade segue os padrões das vilas inglesas do séc. IX, as residências eram usadas pelos operários da São Paulo Railway durante a construção da primeira linha ferroviária entre Santos e São Paulo, inaugurada em 1867. Algumas viraram museus, restaurantes e outras estão totalmente deterioradas, o que merecia muito mais cuidado pela interessantíssima carga histórica que carrega, o mesmo serve para os trens e composições, que também mereciam mais cuidados. Realmente vale muito a pena visitar, você vai descobrir coisas incríveis… O museu do funicular é outro lugar obrigatório… como podiam os operários subir a serra com aquelas peças enormes que vinham de navio da Inglaterra para fazer as manutenções dos trens… Um lugar realmente instigante onde se gasta muito pouco, basicamente com alimentação, porque os museus possuem um valor baixinho, quase simbólico…

Read Full Post »